Processo penal é debatido no projeto “Diálogos” na F2J

O evento recebeu o advogado criminalista, Gamil Föppel e reuniu professores do curso de direito, estudantes de graduação e público externo [...]

Fotos: Ascom Fundação 2 de Julho

A segunda edição do evento diálogos, uma ação desenvolvida pelo setor de Relacionamento com Graduados da Fundação 2 de Julho (FDJ), recebeu, na noite da última segunda – feira, 29, no auditório Baker, o ex-aluno do Colégio 2 de Julho (C2J), o doutor e mestre em Direito Penal e advogado criminalista, Gamil Föppel. O convidado de uma forma descontraída e inteligente abordou os princípios penais na política brasileira, a sua relação com a instituição e as experiências profissionais que circulam na área do direito.

Gamil que estudou no C2J, dos dois aos 17 anos, revelou o papel da instituição na sua formação e do orgulho em retornar à casa para contribuir no aprendizado acadêmico dos alunos. De acordo com o advogado criminalista, os acontecimentos no âmbito do direito estão perpassando na conduta da sociedade e a forma que a constituição está sendo respeitada.

O advogado criminalista, Gamil Föppel, apresentou para o público os conceitos do direito penal na contemporaneidade.

O Professor Marcos Baruch Portela, diretor geral da Fundação 2 de Julho, aponta que o projeto diálogos tem como objetivo trazer egressos do C2J e F2J, para debater assuntos importantes no âmbito acadêmico e dessa forma reafirmar a missão da instituição de 92 anos.

Diretor Geral da F2J, o professor Marcos Baruch Portela, participou da segunda edição do evento.

Marcos Baruch, explica que a segunda edição do projeto Diálogos foi enriquecedora pois debateu os conceitos da atualidade.  “Ter a presença do doutor e mestre em Direito Penal, Gamil Föppel, motiva nos alunos a capacidade do exercício do saber. A proposta dessas atividades solidifica o papel da fundação em transmitir a responsabilidade na formação do indivíduo”, afirma.

Educação

De acordo com o professor Edson Saldanha, que ministra a disciplina Direito Constitucional na F2J, a formação multidisciplinar dos alunos é uma chave para visão crítica da realidade. “A presença de Gamil fortaleceu o entendimento do aspecto político que estamos vivenciando, no momento em que os direitos e as garantias estão sendo afetados em nome de um senso comum. Esses princípios educacionais na defesa do direito penal reforçam que acima de tudo, a constituição  é o norte do ordenamento jurídico brasileiro”, explica.

Publico interagiu com Gamil Föppel durante realização da atividade.

Para Mácia Oliveira, coordenadora do Departamento de Fies e Relacionamento com os Graduados, a segunda edição do evento consolida o formato de trabalho com os egressos. ”Desenvolver atividades com esses profissionais de alta qualidade, aproxima a realização de palestras, seminários e workshops na instituição”, pontua.

Confira mais fotos do evento abaixo:

Send this to a friend