F2J estimula a produção audiovisual com o Favconde

As inscrições já estão abertas e vão até o dia 1º de novembro [...]

Fotos: Acervo F2J e Freestock

O Núcleo de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Faculdade 2 de Julho, em parceria com a coordenação dos cursos de Comunicação Social (Jornalismo e Propaganda e Marketing), está promovendo a 1ª edição do Festival Audiovisual Conde dos Arcos (Favconde). A cerimônia de premiação do evento será no dia 5 de novembro, quando se celebra o Dia Mundial do Cinema, a partir das 19 horas.

O objetivo do festival é incentivar e difundir a produção audiovisual realizada por alunos da graduação, pós-graduação, egressos e comunidade externa. Serão premiados os melhores vídeos de até um minuto, nas categorias  Melhor Roteiro, Melhor Produção Audiovisual e Júri Popular. Para critérios de seleção, estão aptos os vídeos produzidos no período de julho de 2017 a outubro de 2018. Os candidatos só podem inscrever um único trabalho.

As inscrições podem ser feitas até o dia 1º de novembro. O formulário de inscrição está disponível no anexo I do edital que pode ser acessado clicando aqui. Os vídeos deverão ser encaminhados preferencialmente via WeTransfer, devendo-se  indicar o link  que permita o download para análise dos membros da comissão organizadora. É necessário enviar o material para o e-mail do Núcleo de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão da Faculdade 2 de Julho: posgraduacao@2dejulho.edu.br.

Difundir a produção audiovisual de alunos, ex-alunos e comunidade externa  é uma das características do Favconde

Os membros da comissão adotarão os seguintes critérios para identificação e escolha dos melhores trabalhos: originalidade, criatividade, técnica e conteúdo.O festival fortalece um processo de formação interligada entre os espectadores e realizadores que aproxima o cinema, a produção audiovisual e a cultura.

Interação

Para a coordenadora dos cursos de Comunicação Social, Danila Conceição, o evento permite a interação entre alunos, ex-alunos e a comunidade externa, a partir da arte. “Esperamos consolidar este festival como um evento que utiliza o espaço educacional para difusão e formação, a partir do estímulo à produção de curtas locais”, acrescenta.

“É fundamental utilizarmos a linguagem audiovisual como instrumento de transformação educacional e social”, completa o professor Efson Lima, coordenador do Núcleo de Pós – graduação, Pesquisa e Extensão da F2J

Mais informações poderão ser obtidas através do e-mail: posgraduacao@2dejulho.edu.br ou pessoalmente no Núcleo de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão.

Para conferir o edital completo clique aqui:

História

O festival recebe o nome de Conde dos Arcos porque o casarão onde ele morou fica na área de funcionamento do colégio e faculdade 2 de Julho. Dom Marcos de Noronha e Brito, dono do título de nobreza, foi o último vice-rei da Bahia. Durante o seu governo (1810-1818), Salvador ganhou a primeira biblioteca instalada em terras brasileiras, o Teatro São João, o Passeio Público e outras obras.

O imóvel foi concluído em 1781. De fachada bela e imponente tornou-se patrimônio brasileiro em 1938 por meio do reconhecimento realizado pelo Iphan.

 

Palácio Conde dos Arcos foi moradia do último vice – rei do Brasil Dom Marcos Noronha, que dá  nome ao festival.

 

Send this to a friend