Curso de Extensão em Temas Aprofundados em Direito Penal encerra atividades

O professor da instituição, Edson Saldanha, explanou sobre as consequências da má gestão do Estado na sociedade [...]

O último dia do Curso de Extensão em Temas Aprofundados em Direito Penal foi realizado na última sexta-feira, 10, na Faculdade 2 de Julho (F2J), com o debate sobre as Prisões ilegais e os Direitos Fundamentais esquecidos pelo Estado, ministrado pelo mestre em Direito, Governança e Políticas Públicas e professor da F2J, Edson Saldanha.

“O operador do Direito precisa ser, antes de tudo, crítico” – Edson Saldanha

O especialista em Direito Constitucional Aplicado, Edson Saldanha, pontuou que os estudantes de Direito precisam ampliar a visão crítica e lógica sobre sociedade atual. “Estamos num momento paradoxal, cujos posicionamentos antagônicos extremados levam à uma passionalidade no entendimento do conteúdo jurídico, por isso é importante que o estudante e o profissional do Direito entenda os aspectos da proteção do direito individual garantido pela Constituição”, afirma.

Em sua fala, o professor apresentou casos para estudo, abordando direito das mulheres, questões sociais, como a Teoria do Etiquetamento e aspectos ligados ao sistema carcerário brasileiro. Para ele, a análise de casos e elementos como música e literatura, fazem parte da dinâmica necessária para um ensino para além da dogmática formal do Direito e enriquecimento do repertório do estudante.

Edson Saldanha sinaliza as análises de caso como um meio de tornar o ensino mais dinâmico

O professor também debateu pontos entre o Direito e a sociedade soteropolitana e brasileira, como preconceito, discriminação e conflitos étnicos-raciais. “As questões raciais ainda não são bem resolvidas no nosso país e isso faz com que ideias erradas alimentem a assepsia social, sendo um ponto a ser combatido através do acesso à educação e senso crítico”, conclui.

Send this to a friend