Atuação policial nos crimes de violência contra mulher é debatido em curso na F2J

O Curso de Extensão de Direito Penal abordou mais um tema atual e com alteração recente na lei [...]

O quarto dia do ciclo do Curso de Extensão em Temas Aprofundados em Direito Penal, que abordou a atuação das autoridades policiais nos crimes de violência contra mulher, ministrado pela professora Milena Pinheiro, aconteceu na tarde da última quinta-feira, 6, na sala B6, da Faculdade 2 de Julho (F2J).

A professora Milena Pinheiro, especialista em Violência Doméstica, optou em falar sobre a alteração em relação à postura de um delegado ou policial em atender os casos de violência contra a mulher em lugares que não possuem delegacias especializadas, comarcas, nem juízes, pois é uma atuação importante e que envolvem pessoas competentes para cuidar da vítima, que antes só podiam recorrer às Delegacias de Defesa da Mulher (DEAM), e em alguns casos não eram acolhidas com celeridade.

Professora Milena Pinheiro trouxe para o debate as vantagens na novidade da legislação brasileira

“É de suma importância que a vítima procure a DEAM, ou na falta, uma delegacia, porque o agressor começa com a violência psicológica, que geralmente dura todo o relacionamento. Mas, a vítima só vai se dar conta, na maioria das vezes, quando sofre violência física e é o que vai motivá-la a prestar queixa. Ela não pode esperar, ela precisa deste acolhimento!”, explicou Milena.

Para a estudante do 5º semestre, do curso de Direito, Neimay Gonçalves, sempre que possível participa dos cursos de extensão. Para ela a iniciativa da instituição é interessante porque o Direito Penal é muito amplo. “Eu ainda não sei a área que vou seguir, mas sempre que tenho oportunidade participo destas atividades do Direito Penal, pois quanto mais informação melhor”, finalizou.      

Neimay Gonçalves, estudante de Direito da F2J

O curso

O Curso de Extensão em Temas Aprofundados em Direito Penal, que continua até amanhã, 7, é uma iniciativa do Núcleo de Extensão e Pós-graduação da F2J, que visa apresentar outros temas como, Crimes Ambientais, Juizados Especiais Criminais, Atuação das autoridades policiais nos crimes de violência contra mulher, Prisões ilegais e os Direitos Fundamentais esquecidos pelo Estado, além de dialogar sobre as decisões tomadas nas Cortes Superiores Brasileiras.

Conheça mais sobre o curso de Direito da F2J clicando aqui.

Veja mais fotos do quarto dia do curso abaixo:

Send this to a friend